Afinal, pasta de dente com flúor ou sem flúor ?

Hoje em dia tem-se conhecimento da importância da pasta de dente com flúor desde cedo na infância através de muitos estudos e pesquisas. O flúor bem usado protege contra a doença cárie e diminui o risco da fluorose (mancha branca nos dentes). Para que isso aconteça, é importante colocar pouca quantidade de pasta e ir ao odontopediatra para ter maiores orientações.

pasta1

No meu consultório oriento o uso da pasta fluoretada da seguinte forma:

  1. Crianças com 8 dentes de leite na boca: escovação no mínimo 3 x ao dia, sendo 1 x ao dia o uso da pasta com flúor, nas demais vezes use pasta sem flúor.
  2. Crianças com dentição completa de leite ( mais ou menos 2,5-3 anos) e que nao sabem cuspir : 2 x ao dia usar a pasta com flúor e 1 x pasta sem flúor.
  3. Acima de 3,5 / 4 anos a criança já sabe cuspir e pode usar a pasta com flúor em todas as escovações.

É importante lembrar que a pouca quantidade de pasta na escova é fundamental para evitar a fluorose.

pasta2

No mercado existem alguns cremes dentais com a quantidade de flúor ideal para a proteção da cárie: alguns exemplos são a Tandy e a Colgate da barbie ou do homem aranha que possuem 1.100 ppm de flúor. Portanto, sinal verde para essas pastas em pouca quantidade.

pasta3

pasta4

As pastas de adulto com 1,450- 1,500ppm de flúor não são indicadas para crianças (sinal amarelo para elas) quando elas não sabem cuspir. Para crianças maiores elas também podem ser usadas, mas sempre com a supervisão de um responsável.

As pastas sem flúor não protegem contra a cárie, elas apenas condicionam a criança a aprender a escovar. São boas no início do aprendizado desse hábito de higiene bucal e para mandar para a escola ou para a casa da vovó, pois fica mais difícil ter o controle da quantidade de pasta de dente colocado na escova.

pasta5

A pasta de dente sem flúor pode custar 5x a mais do que uma pasta de dente com a concentração de flúor ideal para prevenção da doença cárie. É comum as pessoas pensarem: “ Se é caro, deve ser melhor”. Cuidado, no caso dos cremes dentais infantis isso não é, necessariamente verdadeiro.

Estudos mostram que muitas crianças brasileiras são acometidas por cárie na primeira infância e o uso regular de dentifrícios fluoretados tem um papel fundamental para o controle dessa doença. Assim, crianças de todas as idades devem escovar os dentes contendo o flúor. O uso da pasta de dente com baixa concentração de flúor (500ppm-750ppm de flúor) aumenta o risco de cárie na dentição decídua e não protege contra o desenvolvimento da fluorose (manchas brancas estéticamente indesejável nos dentes permanentes). Realizar a escovação com pasta fluoretada logo após as refeições também diminue a absorção de flúor ingerido evitando dessa forma a temida fluorose.

Fonte: http://www.residenciapediatrica.com.br/detalhe_artigo.asp?id=48

 

pasta6

 

Por isso é muito importante a visita regular a um odontopediatra para ter maiores orientações informações e tirar todas as dúvidas!!!

 

 

Autora Dra. Luciana Westin:luciana westin

Mãe de 2 filhos pequenos, Rafael e André, compreende o universo materno como nós. Formada em Odontologia pela Universiade Paulista- UNIP, Especialista em Odontopediatria pela USP, Especialista em Ortodontia pela APCD.

Consultório: Rua João Álvares Soares 1578, Campo Belo Fone/fax: 11- 5096-3182

 

 

12 Comments on Afinal, pasta de dente com flúor ou sem flúor ?

  1. Carla Riibeiiro
    08/07/2014 at 15:21 (10 years ago)

    Gostei! Objetivo e esclarecedor, obrigada! 😉

  2. Leonardo Magalhães
    06/25/2015 at 13:25 (9 years ago)

    Flúor é uma merda!! Assim como 99% do que consumimos. Pesquise fora da caixinha….ou seja gado. A escolha é sua.

  3. Vivian Dosso
    06/26/2015 at 13:21 (9 years ago)

    Sou dentista e achei ótima a recomendação sobre as pastas com ou sem flúor e qtas vezes usar o creme dental fluoretado de acordo com a idade.
    O "alarde" sobre os malefícios causados pelo flúor devem ser lidos com mto critério, afinal, há uma infinidade de pesquisas científicas sérias, realizadas por Universidades do mundo todo que comprovam e atestam a necessidade do uso de pasta fluoretada. Tanto é que a OMS (Organização Mundial da Saúde) e ADA (American Dental Association) regulamentam, permitem e indicam o uso de flúor.
    O que deve existir é bom senso na indicação , de acordo com a idade.

  4. Vivian Dosso
    06/26/2015 at 13:21 (9 years ago)

    Sou dentista e achei ótima a recomendação sobre as pastas com ou sem flúor e qtas vezes usar o creme dental fluoretado de acordo com a idade.
    O "alarde" sobre os malefícios causados pelo flúor devem ser lidos com mto critério, afinal, há uma infinidade de pesquisas científicas sérias, realizadas por Universidades do mundo todo que comprovam e atestam a necessidade do uso de pasta fluoretada. Tanto é que a OMS (Organização Mundial da Saúde) e ADA (American Dental Association) regulamentam, permitem e indicam o uso de flúor.
    O que deve existir é bom senso na indicação , de acordo com a idade.

  5. Edde Wagner Aguiar Jr.
    08/05/2015 at 12:19 (9 years ago)

    Eu não li muita coisa sobre BENEFÍCIOS do fluor… Mas de malefícios, vários. E de cientistas, médicos, etc.

  6. Pesquisador Ronaldo
    12/03/2015 at 13:01 (8 years ago)

    PESSOAL NÃO SE DEIXEM ENGANAR O FLÚOR É TÓXICO, ACABA COM O FUNCIONAMENTO DA TIRÓIDE, REDUZIR QI, É CANCERIGINO, NÃO USEM PASTA DE DENTE COM FLÚOR OU TRICLOSAN; USE PASTA DENTE NATURAL

Leave a Reply