Como introduzir frutas e sucos para seu bebê

bebe-com-frutas-a-sua-volta-svetlanafedoseyeva-shutterstock-0000000000004E14

Após seis meses de aleitamento, o primeiro sabor “diferente” que o bebê sente é o da fruta. Muitas mães ficam em dúvida sobre a forma correta de apresentar as frutas ao filho e como encaixar essa novidade na rotina, sem que isso prejudique a amamentação em livre demanda. A melhor maneira de apresentar a fruta ao bebê é “in natura”. Quanto mais o bebê conhecer o cheiro, a cor, o sabor, a textura de cada fruta, melhor. Claro, sabemos que a maioria dos bebês ainda não possui dentes aos seis meses, mas já é possível estimular a mastigarão da fruta desde o começo – eles mastigam muito bem com a gengiva.

Vale oferecer a fruta raspadinha, amassada, levemente cozida, segurar a fruta na boca do bebê para ele chupar e até dar a fruta na mão para que ele possa se lambuzar. Nunca acrescente açúcar ou mel (PROIBIDO ANTES DE 1 ANO) e nem bata a fruta no processador. Ao processar a fruta, você acaba destruindo as fibras, que são excelentes para melhorar o funcionamento do intestino, e prejudica o estímulo à mastigação. Também não é indicado peneirar a fruta, pelo mesmo motivo.

No início, procure oferecer uma fruta de cada vez, para o bebê conhecer o sabor de cada uma. Não é necessário repetir a mesma fruta por três dias para averiguar possíveis reações, a não ser que o pediatra expressamente oriente assim por motivos de alergia. Aos poucos, você pode misturar mais de uma fruta. Muitas mães ficam limitadas a três ou quatro frutas no início, mas não é necessário. Pode explorar as frutas existentes – se possível, compre as orgânicas, livres de agrotóxicos – inclusive as variações de uma mesma fruta (pode dar banana prata, banana nanica, banana maçã, por exemplo).

Um bom horário para incluir a fruta é no lanche da manhã, entre a primeira mamada do dia e a refeição principal. Evite oferecer a fruta apenas como sobremesa todos os dias.

 

Banana

 

Em relação aos sucos, não é recomendada a introdução antes de 1 ano. Ao consumir a fruta sob a forma de suco, a criança ingere uma quantidade maior de frutose de uma só vez, por conta da quantidade de frutas necessárias para fazer um copo de suco. Vale lembrar que a frutose pode ser tão ruim para a saúde quanto o açúcar branco.

Na fruta in natura, além da frutose, também consumimos uma boa quantidade de fibras, que ajudam a frear a absorção da frutose pelo organismo. Já no suco, há uma perda considerável das fibras durante o processo de espremer ou processar a fruta – isso sem considerar a etapa de coar o suco antes de servir. Ao ingerir o suco, as fibras não estão presentes para desacelerar a absorção da frutose, que rapidamente se transforma em glicose e aumenta a quantidade de açúcar no sangue. Além disso, muitas mães criam o hábito de oferecer suco para o bebê ao longo do dia e acabam não oferecendo água ou frutas in natura. Pior, muitas vezes o suco ocupa o lugar do leite materno.

Isso não significa que você precisa cortar o consumo de suco do seu filho imediatamente e para sempre, mas priorizar o consumo das frutas in natura. Caso queira oferecer o suco para seu bebê, o ideal é respeitar a quantidade máxima recomendada pela Sociedade Brasileira de Pediatria.

“Os sucos naturais devem ser evitados, mas se forem administrados que sejam dados no copo, de preferência após as refeições principais, e não em substituição a estas, em dose máxima de 100 mL/dia, com a finalidade de melhorar a absorção do ferro normalmente presente nos alimentos como feijão e folhas verde-escuras”. (Fonte: Manual de Orientação, Departamento de Nutrologia da SBP, edição 2012).

Uma boa solução é espremer uma laranja após a refeição principal e oferecer ao bebê – que tal segurar os gomos da laranja na boca do bebê para ele chupar? Existe um mito de que é errado dissolver o suco da fruta em água, mas essa na verdade é uma boa opção para reduzir a carga de frutose em um copo de 100ml de suco. Você pode espremer uma laranja e completar o copo com água.

  1. Nunca coe o suco,
  2. Nunca o ofereça junto com a refeição e
  3. NUNCA ADOCE. Embora o nosso paladar esteja acostumado com o suco adocicado, lembre-se que o paladar do bebê está em formação e muitos bebês aceitam sucos considerados azedos, como abacaxi e limão, sem precisar de açúcar. Se quiser adoçar, use outras frutas mais doces para isso, como laranja lima, caqui ou banana.

 

 

 

Chefe de Papinha

Acesse http://www.chefedepapinha.com (clique AQUI)

 


4 Comments on Como introduzir frutas e sucos para seu bebê

  1. Mari Nascimento
    03/11/2015 at 09:03 (7 years ago)

    Frutose das frutas, seja suco ou in natura, não faz mal aos bebês. Veja página NUTRIÇÃO CIENTIFICA no facebook sobre o assunto:
    https://www.facebook.com/pages/Nutri%C3%A7%C3%A3o-Cient%C3%ADfica/278260312273517?ref=hl

    Atenção Nutricionistas! Vamos combater informações erradas que circulam pela internet, como o novo mito do “frutose dos sucos causa diabetes em bebês”. Esse tipo de desinformação expõe a falta total de conhecimento em Bioquímica da Nutrição. Pessoas que não sabem nada sobre o tema se arrogam a transmitir informações equivocadas, com explicações estapafúrdias sobre metabolismo dos carboidratos e índice glicêmico, apenas com base em tabelas que sequer sabem de onde saíram. Estudem frutose artificial x epidemia de obesidade nos EUA, dextrose, “frutose” do milho, patenteada por grandes indústrias como componente de milhares de produtos industrializados. Suco ruim é suco com xarope de milho ou sacarose. Suco natural só faz bem! Para bebês menores de 01 ano, não se deve oferecer sucos por outros motivos, listados no Guia alimentar para crianças menores de 02 anos (OMS). De qualquer maneira, crianças de 12 a 23 meses devem consumir 3 a 4 porções de frutas ao dia. E a media de consumo é muito abaixo. Menores de 12 meses – 6 a 12 – 1 a 2 frutas dia.

    Reply
  2. superbeets
    01/16/2021 at 16:25 (8 months ago)

    Hello! I know this is somewhat off topic but I was wondering if you knew where I could get a captcha plugin for my comment form? I’m using the same blog platform as yours and I’m having difficulty finding one? Thanks a lot!|

    Reply
  3. Camie Clevland
    05/06/2021 at 08:17 (5 months ago)

    Good day! I could have sworn I’ve visited your blog before but after browsing through many of the articles I realized it’s new to me. Anyhow, I’m definitely happy I discovered it and I’ll be book-marking it and checking back frequently!|

    Reply

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *