Porque cultivar os vínculos familiares é tão importante

“O estabelecimento de um bom vínculo entre os membros familiares e a inserção da criança em um ambiente favorecedor propiciam que ela tenha um desenvolvimento satisfatório. A ausência destes elementos, ou de um deles, pode ser caracterizada como uma privação para a criança e, assim, gerar falhas intrusivas que bloqueiam o seu amadurecimento emocional com a presença de perturbações que influenciarão negativamente seu futuro”  (CARETA; MOTTA, 2007)
.
.
E não é apenas isso. Numa sociedade tão conturbada, com tanta inversão de valores, na qual os encontramos hoje é essencial cuidar de todas as arestas e tentar suprir todas as necessidades emocionais dos nossos pequenos com a pena de a longo prazo colher frutos do que for plantado.
.
Normalmente temos ciência desses benefícios ao referir-nos ao núcleo principal da família, traduzidos por pais e avós, no entanto a extensão do contato e o estreitamento do vínculo familiar amplo também contribui para o desenvolvimento da criança.
.
Primos, tios e amigos, relacionar é a melhor escola para qualquer tipo de desenvolvimento. Desde bebês até os 2 anos a criança absorve todas as expressões e diversos tons de vozes que posteriormente estarão mais definidos contribuindo para a formação do caráter, temperamento e desenvolvimento racional da mesma.
.
O Théo teve a oportunidade de estabelecer um contato intenso com seus priminhos e conhecer seu bisavô, durante esses 18 dias na França. Além do contato com seus avós paternos e sua doce e atenciosa madrinha (irmã do Benjamim).
.
Conhecer o bisavô é uma bênção, ainda mais no nosso caso, separados por 9.700 km, nunca se sabe o dia de amanhã. Não sabemos quando poderemos voltar e se essa foto poderá ser refeita.
.
.
Eu não tive a possibilidade de disfrutar dos meus avós que começaram a falecer mesmo quando minha mãe tinha 10 anos. O último viveu até que eu completasse 1 ano e meio. Pouco e me fez muita falta. Por mais doida que tenha sido essa viagem, esses momentos valem ouro e ficarão na memória emocional do Théo.
.
.
.

Me sinto orgulhosa de poder ter oferecido e continuar oferecendo momentos assim, entre família, repletos de alegria e felicidade. Tenho certeza que o estou ajudando a construir seu caráter, e ajudando que ele cresça com mais segurança, num ambiente de carinho e amor.
.
Aqui em casa, no Brasil sempre dei muita importância à família e sempre que posso fico em São Paulo  para os eventos familiares. Família grande e numerosa como a minha facilita.


Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Comment *